Efeito de museu sem museu – Alfaiataria Cultural

“Efeito de museu sem museu” apresenta uma reflexão sobre a relação entre crítica institucional e contextos institucionais precários. Compreendida como uma prática que estabelece uma relação crítica entre discursos e práticas artísticas, curatoriais e instituições de arte, a crítica institucional que, desde os anos 1960, é praticada e debatida por artistas, curadores, críticos e historiadores europeus e norte-americanos, é contraposta à práticas artísticas e curatoriais latino-americanas realizadas em contextos nos quais a existência das instituições é incerta, ou nula, tal qual a do Museu da Gravura Cidade de Curitiba.